• Puro conteúdo Reformado!

    ReformedSound

    .

    .

    Doença ( Patologia) e lesão no cérebro não são maiores que o poder da regeneração. O Justo é sempre guiado pela nova natureza.




    ( Westminster Theological Seminary / Dr. John Street ). 
    ( Mestre em Aconselhamento Bíblico/Professor de Teologia em BA, Cedarville University, M.Div., Grand Rapids Theological Seminary, D.Min., Westminster Theological Seminary).


    Muitos líderes têm se enredado nas falácias de uma "ciência" (psicologia) que ao se imiscuir em assuntos que não lhe dizem respeito (ora na medicina, ora na teologia) desprezam a Bíblia e reduzem tudo ao materialismo. Incrivelmente, há cristãos que capitulam diante desse niilismo!


    "A biopsicologia evolucionária define o homem como nada mais além de uma soma total de seus componentes químicos. Uma análise da complexidade avançada do animal altamente desenvolvido, chamado homem, pode revelar o processo biológico que o faz pulsar. Muitos livros-texto de psicologia contêm a descrição do infeliz acidente de Phineas Gage, o empregado de ferrovias de 25 anos que em 1848 teve uma estaca de uma polegada de diâmetro fincada em sua cabeça enquanto dinamitava rochas.


    Admiravelmente, ele sobreviveu, mas foi um homem radicalmente transformado. Antes do acidente, ele era um empregado responsável, trabalhador, geralmente de um notável comportamento ético e inteligente.


    Depois do acidente, ele se transformou em um homem amaldiçoador, beberrão e irresponsável, que não conseguia manter-se em um emprego ou estabelecer bons relacionamentos com outros. De acordo com as teorias defendidas na maioria dos textos de psicologia, as áreas de associação do córtex cerebral do sr. Gage foram destruídas, uma área em que os elevados processos mentais como o pensamento, a linguagem, a memória e a capacidade da fala ocorrem. Em outras palavras, o texto declara que a moralidade não é de maneira alguma assunto espiritual; é uma questão orgânica. De acordo com eles, o homem é moral porque seu cérebro se desenvolveu por milênios a partir de um núcleo central (o “velho cérebro”) para uma capacidade de raciocínio mais alta no córtex cerebral (o “novo cérebro”).


    Segundo eles, o que foi destruído no cérebro do sr. Gage foi uma porção de uma das mais altamente desenvolvidas áreas de associação do córtex onde a moralidade é determinada. Então, a pergunta que deve ser feita é: a moralidade é um assunto para a biologia, mas não para a Bíblia? As soluções orgânicas serão suficientes? Será possível que pedófilos no futuro possam tomar uma pílula para deixar de molestar crianças? Poderá uma receita médica acabar com os furtos de uma mulher cleptomaníaca? A biopsicologia evolucionária 'caminha' nessa direção.


    Os casos de pessoas com traumas cerebrais como Phineas Gage e outros não provam nada. Novamente, a psicologia fez associações que parecem ser relacionadas a causas, mas não há causa direta e efeito entre um ferimento (ou lesão no cérebro) e o comportamento imoral. Uma forte relação é feita porque a psiquiatria evolucionária está comprometida com uma cosmovisão materialista— a uniformidade das causas naturais em um sistema fechado. Mudanças repentinas voltadas para a maldade, como a evidenciada por Gage, são também claras em casos onde nenhum dano cerebral foi sofrido. Da mesma forma, algumas pessoas que têm sofrido sérios danos cerebrais em áreas de processos neuronais associativos do cérebro não mudaram moralmente!


    Os traumas ou doenças apenas aumentam a necessidade de manter puro o coração. Idosos que sofrem precocemente de Alzheimer ou demência terão pela frente tempos difíceis reprimindo desejos impuros, especialmente se o íntimo não foi nutrido durante os anos de saúde. Conselheiros bíblicos reconhecem a realidade de uma uniformidade das causas naturais, como sendo um sistema aberto. Isto significa que esses problemas têm dimensões sobrenaturais/espirituais. A obra sobrenatural do Espírito de Deus por intermédio da Palavra de Deus pode trazer uma vida renovada de santidade e justiça à vida da pessoa que crê, contrariando danos ou doenças cerebrais. O materialismo evolucionário termina em niilismo, desprovido dessa esperança."


    (Dr. John Street/ Mestre em Aconselhamento Bíblico/Professor de Teologia em BA, Cedarville University, M.Div., Grand Rapids Theological Seminary, D.Min., Westminster Theological Seminary)


    Texto by Teologia Puritana -  https://web.facebook.com/Teologia-Puritana-367297810056135/