• Puro conteúdo Reformado!

    ReformedSound

    .

    .

    O Dom da Sexualidade humana – Uma mistura de almas.




    "Estas três coisas me maravilham; e quatro há que não conheço: O caminho da águia no ar; o caminho da cobra na penha; o caminho do navio no meio do mar; e o caminho do homem com uma virgem." - Provérbios 30:18,19


    A sexualidade humana é um dom especial de Deus à raça humana. Sendo assim, tem poderes incríveis para a vida, se desfrutado corretamente, e um tremendo poder destrutivo, se for mal utilizado ou abusado.

    Na sexualidade humana Deus colocou muito mais do que apenas a propagação da espécie... é uma mistura de almas.

    Certo sociólogo disse, o que achei apropriado, que os seres humanos são os únicos que se procriam face a face... porque para nós, não é apenas biologia; algo está acontecendo alma a alma.

    Mas vivemos numa cultura que tanto SUBESTIMA como também SOBREVALORIZA o sexo.

    Nossa sociedade quer acreditar que o sexo é apenas físico. É como comida, quando você está com fome, então você se alimenta. Ou é um esporte. Ou seja, encontre algo que te agrade, o entretenimento correto, se encaixe nele e se divirta. Como futebol, tênis... portanto, a pergunta que se torna importante nessa mentalidade é: “O que você gosta? O que te satisfaz?.

    Qualquer ideia de regra sobre sexo, será então vista como draconiana ( Se bem que até esportes tem regras ). Segundo a mente atual, se sexo fosse crime, ele parece um crime sem vítimas... será?

    Me responda:

    Se o sexo é apenas físico, por que a violação (estupro ) é considerada um dos piores tipos de crime? Por que é tão mais prejudicial a mulher ( ou homem ) do que ser apenas espancada?

    Mulheres relatam abusos físicos com muito mais frequência do que quando foram violadas.

    Por que quando uma criança é abusada sexualmente, quando é adulto os reflexos disso são muito mais difíceis da pessoa se ver livre e ficam conectados a vários aspectos da vida? Por que é tão difícil se livrar dessas consequências? Certamente não é só porque uma “figura de autoridade a decepcionou, ou traiu...” Não! Essa ferida na alma é muito mais profundo do que isso.

    Poderíamos ampliar e ampliar as perguntas. Por exemplo: Por que o adultério é tão devastador para um relacionamento? Por que os maiores arrependimentos das pessoas tantas vezes são sexuais?

    Eu sou pastor. Quando alguém diz, “Pastor, eu tenho que te dizer algo que eu nunca disse a ninguém...” É quase sempre algo neste área. Quase sempre sexual.

    Tudo em nós, na sociedade, naquilo que mais causa danos... grita que o sexo não é apenas físico como o ato de almoçar por se estar com fome... algo muito maior está acontecendo.


    Salomão diz em Provérbios 5.15-19: “Beba das águas da sua cisterna, das águas que brotam do seu próprio poço.” – Ele está usando cisterna como metáfora da sexualidade feminina... esse é o seu temo neste texto. Você entra numa cisterna para obter água. Então ele continua: “Por que deixar que as suas fontes transbordem pelas ruas, e os teus ribeiros pelas praças?” - Provérbios 5:16. Agora ele muda para uma metáfora da sexualidade masculina. Ele está falando sobre o dom da sexualidade humana outorgado por Deus e o seu bom ou mau uso.

    Então ele diz: “Que elas sejam exclusivamente suas, nunca repartidas com estranhos. Seja bendita a sua fonte! Alegre-se com a esposa da sua juventude. Gazela amorosa, corça graciosa; que os seios de sua esposa sempre o fartem de prazer, e sempre o embriaguem os carinhos dela.” - Provérbios 5:17-19. Essa é a linguagem bíblica.


    Talvez, na distância no tempo que estamos de quando essas palavras foram escritas, possamos não compreender com contra-cultural isso foi para aquela época. Nas culturas mais antigas, praticamente havia apenas duas razões para você se casar.

    Econômica – ou seja, você se casou como uma boa estratégia, escolhendo uma família certa para que a sua se tornasse mais poderosa. E fertilidade seria a segundo coisa. A perpetuação do teu clã.

    Mas aqui Salomão está falando sobre a mor e sexualidade, em termos de encontrar prazer erótico em um parceiro que você se entregou por toda a sua vida. Em Provérbios 2 ele chama de esposa “a companheira de sua juventude” – até a velhice. A Palavra em hebraico: halup, significa algo como almas que se encaixaram.

    Tudo isso ia muito além de como a cultura em que Salomão viveu viu o sexo – apenas funcionalmente... procriação, ou satisfação de um apetite.

    Mas em outra passagem em Provérbios, Salomão fala disso, eu diria, ainda de maneira mais lúdica. Em Pv 30.18,19 ele fala de três coisas maravilhosas, e de uma quarta que excedia isso.

    “Estas três coisas me maravilham; e quatro há que não consigo entender: O caminho da águia no ar; o caminho da cobra na penha; o caminho do navio no meio do mar; e o caminho do homem com uma virgem.” - Provérbios 30:18,19

    Isso é chamado de um poema 3-4 em hebraico, era uma forma literária usada para expressar maravilha. Três coisas são fantásticas... mas a quarta, extrapola minha mente. A palavra “maravilhoso” aqui é uma palavra hebraica que significa misterioso, incompreensível... quase divino... um dos nomes dados a Cristo é este. “Seu nome será chamado “Maravilhoso!”


    Salomão diz:
    O caminho de uma águia no céu.
    O caminho de uma serpente na rocha.
    O caminho de um navio em alto mar.


    O ar é invisível, é misterioso... no entanto, a águia desliza sem esforço sobre ele e através dele... ele diz... é maravilhoso! A cobra não tem pernas, ela parece deslizar sobre a rocha quase que magicamente... como será que isso é possível, Salomão está pensando.  Um navio pesando toneladas atravessa o mar... como? Nestas coisas, diz ele, parece haver algo mágico, um design especial e misterioso que trabalha de maneira maravilhosa para as nossas mentes e nos enchem de espanto.


    Mas então ele chega no número 4 – Seu GRANDE MISTÉRIO... é o caminho de um homem com uma virgem. Ele diz, aquelas coisas são misteriosas, mas há um mistério maior entre um homem e uma mulher em um verdadeiro relacionamento amoroso que se completa num relacionamento sexual.


    Mas no próximo verso ele diz: “O caminho da mulher adúltera é assim: ela come, depois limpa a sua boca e diz: Não fiz nada de mal!” - Provérbios 30:20. Aqui não há nada dessa maravilha e mistério. Você tem uma mulher para quem o sexo é apenas um comer desleixado... uma forma banal de satisfazer apetites. Eu comi, depois limpei minha boca para me livrar dos restos e traços do que comi... era só um lanche... não há nenhum mistério aqui.

    Foi jogado fora aqui, Salomão está dizendo, totalmente aquela incrível maravilha que Deus deu ao nos dar a sexualidade. Na forma como Deus deu, no sexo, os dois se tornam um.

    Mas essa unicidade, Salomão diz, é alcançada num contexto em que tudo o mais em suas vidas se tornou um também. No casamento... a maravilha que ele descreve como: “...o caminho do homem com uma virgem”... Suas vidas se tornaram uma, suas finanças se tornaram uma, suas famílias são uma, seus filhos são parte de vocês, seus FUTUROS são um.


    É como pessoas que tem apetite para a comida, mas só por um instante e com um propósito. Então eu como porque gosto, mais depois forço o vômito porque não quero aquelas calorias e gorduras no meu sistema... não se encaixam no corpo que eu desejo... são um mau para meu senso estético e propósitos finais... Eu como, depois induzo o vômito.  É isso que o cara ou a menina está fazendo... vamos fazer sexo, mas não vou me unir a você completamente... vou induzir o vômito.


    Alguém me disse: “bem, eu não sou casado com o meu parceiro, mas eu o amor...” Então porque deixou a porta aberta? É a evidência que não há de fato uma entrega... você retém o direito de sair a qualquer momento e fazer como Salomão disse: “...ela come, depois limpa a sua boca e diz: Não fiz nada de mal!” - Provérbios 30:20.


    A Palavra de Deus diz que sexo antes desse compromisso total ao longo da vida, é pecado. Não importa como as pessoas chamem o relacionamento, namoro sério, noivado... esse tipo de poder só será experimentado, diz Deus, depois que uma Aliança no casamento tenha sido feita.

    Alguém pode dizer: “Eu entendo, o sexo é melhor no casamento, mas qual o problema de nos divertirmos um pouco?” Esse é o retrato do oposto do que a Bíblia diz e do que Salomão vinha descrevendo. Woody Alen disse:  “Sexo sem amor é uma experiência vazia, mas das experiências vazias, é uma das melhores”  Katy Parry já diz: “Eu não sei o seu nome, não importa, você é meu jogo experimental, apenas a natureza humana funcionando”.

    Mas é o oposto. Porque você é humano e não um animal, é mais do que apenas a natureza. E nunca é apenas uma experiência vazia, mas boa.


    Aquela junção final que o sexo devia selar, a forma como Deus projetou isso, é destruído. Há um livro chamado Hooked. Não é um livro cristão – Hooked – Novo conhecimento sobre como o sexo casual está afetando nossos filhos. É um estudo científico escrito por um casal de neurologistas - Freda McKissic e Joe S. McIlhaney Jr – mostrando que ter múltiplos parceiros sexuais, especialmente quando se é jovem, faz algo em seu cérebro... cria um padrão. De tal forma, diz eles, que faz com que depois, ter relações genuínas e altruístas sejam muito mais difíceis:

    “O indivíduo que vai de parceiro sexual para parceiro sexual, está causando em seu cérebro uma padrão que o molda de tal forma que eventualmente se torna o padrão normal... portanto, prejudica a sua capacidade de um vínculo em um relacionamento comprometido, altruísta, amoroso...”

    “Encontros sexuais repetidos impedem nossas habilidades de formar relacionamentos duradouros satisfatórios” Os autores usam a metáfora da “fita adesiva”... Cada vez que usada perda a capacidade de ligação...

    Então eles concluem: “Você não pode experimentar somente o sexo, mais do que pode só ter uma pequena experiência de parto. O próprio ato do sexo produz uma nova realidade que não pode ser desfeita.”

    Pense juntamente com isso, sobre o dano da Pornografia. Consumir pornografia, talvez numa extensão ainda maior ( se é que é possível ) mata tua capacidade para relacionamentos duradouros, altruístas e de verdadeiro amor.


    Primeiro, faz com que você olhe para o sexo oposto como um produto de consumo. Vamos falar com os homens, mas o mesmo por fim serve para as mulheres. Quando você olha pornografia, você está olhando para uma imagem de uma mulher, cujo corpo é apenas algo que você quer usar de maneira totalmente egoísta. É um corpo par ser usado. E isso treina tua mente para ver mulheres de uma certa maneira... não existe um botão para apagar isso quando for conveniente.

    Quando você olha para uma foto, um vídeo... de mulheres sem o reconhecimento que elas têm uma alma, a imagem de Deus... sua mente começa a ver as mulheres reais em sua vida como objetos. Você dirá a si mesmo. Não, eu posso manter as coisas separadas. Mas você está totalmente errado. É isso que mesmo neurologistas não cristãos estavam dizendo em seu livro.


    Como os alemães acabaram por se sentir à vontade para cometer toda a espécie de atrocidades com os judeus? Eles passaram a vida falando deles como sub-humanos. Criando o padrão para se relacionarem bem  com a dor e sofrimento dos judeus. Não começaram como monstros, começaram pensando sobre os judeus de uma certa maneira. Assim também acontece com o aborto. Você primeiro desumaniza o homem... não é uma pessoa, é um feto... depois você em sua mente mais facilmente racionaliza o seu assassinato. A escravidão também funcionou assim.


    Tudo que faz um homem ou uma mulher, ver o outro como menos que portadores de uma alma, da imagem de Deus... precisam ser totalmente afastados de nós. Todo seu relacionamento futuro será afetado pela pornografia de hoje.

    Sendo assim, pense na coisa mais simples... se na tua playlist de músicas há músicas que mostrem a mulher como um objeto... precisa ser apagada de sua playlist. Porque certamente ela fará parte do processo de treinar sua mente a pensar sobre as mulheres assim.

    Há uma segunda coisa que a pornografia faz, que é destruir sua própria capacidade de realização sexual. Toda vez que você olha pornografia você programa sua mente para acreditar em três coisas.

    1
    )             Um corpo real não é bom o suficiente.
    )             Apenas um corpo não é bom o suficiente.
                     O corpo de tua mulher não é bom o suficiente.

    Nenhuma mulher, não importa quão bonita e sexy, pode viver de acordo com o que você vê na pornografia,

    Naomi R. Wolf  - não uma pessoa cristã, pelo contrário – Ela é uma autora americano, jornalista e ex- assessor política de Al Gore e Bill Clinton. Autora do livro chamado  O mito da beleza . Que por causa dele se tornou uma porta-voz principal do que foi descrito mais tarde com a terceira onda do movimento feminista... diz: “Para a maioria dos homens as mulheres reais nuas são apenas má pornografia”. Nenhum homem que consumiu e consumiu pornografia, depois coloca tudo para trás ao casar, pois já conheceu todas as fantasias pornográficas, já teve o bastante. Não! O oposto acontece... aquilo é trazido para o casamento em toda degradação humana que isso contém.


    Isso que já pode ter sido algo mais predominantemente masculino, nossa sociedade acabou por impor também as mulheres. Veja o sucesso literário e depois no cinema de obras como 50 tons de cinza... e suas sequências patéticas. Essas coisas não são românticas, estão destruindo você. Marido, se você leva tua esposa para isso... ou induz o consumo de pornografia juntos... você é a antítese da definição do que é um marido.


    Agora, muitos podem ficar preocupados e pensaram... eu fiz tudo isso... e agora? Talvez alguns se sintam presos a coisas assim ainda. É importante afirmarmos que nenhum de nós está diante de Deus baseado em sua própria pureza, ou vida que foi desprovida de todas as coisas que contaminam o homem... a partir do seu coração. Se estamos diante de Deus, estamos vestidos pela justiça de Cristo.


    Seu sangue nos torna mais puro do que antes de qualquer experiência assim em nossas vidas... mas puro do que quando nascemos aqui, já que nascemos em pecado. Sua ressurreição pode tornar tua alma inteira de novo, vida e saudável.


    O pecado contamina e mancha a alma deixando suas marcas e sequelas... O precioso fluxo de sangue que flui da cruz nos faz mais brancos que a neve... é a única fonte que pode fazer isso: “Nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus” – Rm 8.1  ( 2Co 5.17; Rm 6.3,4; Hb 7.24,25)


    Jesus foi partido, foi massacrado e morto para que seu sangue pudesse lavar o pecado mais profundo imaginável. E Ele ressuscitou dos mortos mostrando o poder infinito para reconstruir tudo o que foi quebrado pelo pecado.


    Mas deve haver verdadeiro arrependimento.
    Bem, tudo que vimos até aqui é como subestimamos e banalizamos o sexo... agora, precisamos ver como superestimamos o sexo.


    Como anel de ouro em focinho de porco, assim é a mulher bonita, mas indiscreta. - Provérbios 11:22


    Salomão não podia ser mais direto do que isso. Aqui está um lindo anel de ouro... mas o grande problema é que um grande porco ou porca, desagradável está ligado a ele. Mas você está tão encantado com o anel, que aceita está com o porco contanto que possa ter o anel. Então  todas as noites você tem a satisfação de ter o anel, mas tem que viver e conviver com o grande porco em seu quarto.


    Quem faria uma bobagem dessa – alguém pode perguntar.  Salomão reponde: Aquele que pensa que beleza e sexo são tudo. Nenhuma cultura sobrevaloriza  o sexo e a beleza como a nossa – dando um peso final em se ter uma vida boa. Quase toda destruição a nossa volta, em cada casa... está ligada a isso de alguma forma.


    A beleza física, por exemplo, é vista como algo fundamental... o que dá valor e  auto-estima a uma pessoa. Quase sempre é o que as pessoas tem como parâmetro para achar alguém... uma namorado, namorada... Eles se contentarão, e se contentam, com o caráter de porco se obtiverem o anel de ouro da beleza física junto. O que temos a longo prazo? Olhe a sua volta.


    Por exemplo, os homens. Quando  Pv 31 descreve a mulher ideal, a mulher que o abençoa ano após ano e que seus filhos chamam de abençoada... nunca fala sobre a beleza física. De fato, quando fala, fala de forma negativa: “O encanto é enganador, e a beleza é passageira, mas a mulher que teme ao Senhor será louvada” – Pv 31.30.


    Beleza é bom, mas o caráter é muito melhor – é o que ele está dizendo. Quando conheci minha esposa, a achei linda... e ela ainda é linda. Mas vejo uma mulher que por muitos anos, se sacrificou dedicando seu tempo para criar nossos filhos... crescermos juntos no ministério... Ela não pode dedicar todo seu tempo a si mesma com cuidados sem fim... e superficialidades sem fim... Isso a torna mais linda para mim do que no dia que eu a conheci com 17 anos.


    Anos e anos depois, eu sei que no meio da tragédia, ela estará lá – É ela que eu desejo, não só no frescor dos nossos 17 anos, é ela que eu desejo quando ando pela dor, quando eu envelheço... adoeço... morro... porque eu seu que ela estará lá. Beleza é bom, mas caráter é final.

    Hoje, alguma mulheres pensam na beleza física e se manter jovem... como algo tão importante que elas se sente sem valor sem essas coisas. Ou pior, se sentem bem por causa disso somente. Um monte de mulheres vão fazer coisas realmente destrutivas para seus corpos ficarem “bem” Anorexia, bulimia... são sequelas, muitas vezes, da suposição de que sua beleza primária e identidade é estabelecida pela forma do seu corpo e pelo seu peso.


    Você sabia que distúrbios alimentares são muito mais elevados em mulheres de países mais industrializados do que em países menos desenvolvidos? São duas vezes mais elevados entre estudantes universitários dessas nações do que entre as mulheres em geral ali.


    O que isso mostra? Mostra que quanto mais próximo você chegar no coração da nossa cultura, quanto mais perto do útero formado da nossa cultura, mas mulheres serão massacradas e saturadas com a mensagem de que tudo o que importa em você é a tua aparência e seu caráter nem tanto. Salomão diz: “Como anel de ouro em focinho de porco, assim é a mulher bonita, mas...”


    Muitas mulheres estão deprimidas à medida que envelhecem... quando naturalmente sua beleza física vai se esvaindo... e com ela sua identidade... então vai também sua felicidade... é tudo que tinham. A beleza física é boa... mas uma pessoa que anda com Deus tem uma beleza que dura para sempre... e uma identidade indestrutível neste mundo.

    Uma outra maneira de superestimar o sexo, é que nos convencemos de que a “Vida boa” é impossível sem romance e sexo. Então, estamos dispostos a desistir de qualquer coisa por isso... estamos prontos a desonrar Deus por causa disso.


    Como entender um cara de quarenta e poucos anos deixar sua companheira e seus filhos... por uma mulher mais jovem, ou supostamente mais sexy... mesmo que isso destrua sua vida e a de outros? Ele está pensando: “A qualquer custo eu tenho que ter esse anel, quem se preocupa com o porco de uma família destruída e vidas arruinadas se eu posso ter este anel?”


    Em um texto, um cara listou todas as coisas que aconteceriam se ele cometesse adultério... olhando a dele, pense na tua lista.

    - Eu causaria um dano incalculável nas pessoas e na minha esposa, Suzana. E eu teria que suportar a perda de seu respeito e confiança, e provavelmente perderia meu relacionamento com ela.

    - Eu causaria profundas mágoas e cicatrizes em João, Maria e Carlos, meus filhos, que podem nunca compreender porque eu troquei todos eles por uma suposta emoção.

    - Traria vergonha a minha família... pai, mãe...

    - Vergonhe e julgamento sem fim sobre a menina com quem cometi adultério... usando-a como objeto...

    - Causaria uma enorme vergonha para minha família, a Igreja.

    - Permitiria o riso e a presunção blasfema de todos que gostam de zombar de Deus...

    - Perderia algo final... pois estaria seguindo os passos de homens cuja imoralidade destruiu seus ministérios... e quando ( às vezes acontece... ) tentam continuar assim mesmo... causa dano maior ainda.

    -  Mais importante ainda, desonraria totalmente o Senhor e Salvador de quem um dia terei que estar face a face e explicar o “porquê” disso, depois de tudo que Ele me deu, e depois de toda a graça e beleza que Ele tinha concedido a minha vida.

    Não vale a pena ... Que tipo de cegueira faz alguém ir em frente?

    Você pode dizer, mas eu “pequei sexualmente, não posso ser perdoado?” Sim, pode. Mas pergunte a Davi sobre as consequências mesmo depois do perdão. O poder da graça de Deus não conhece limites. Mas se você se arrependeu realmente, de todas as pessoas, deve desejar mais do que qualquer um que as pessoas compreendam como essas coisas são devastadoras e poderosas em suas sequelas...


    Eu aviso a todos. Nunca se coloque em situações onde esteja vulnerável. Ah! Essa pessoa é só minha amiga... Não! Não irei almoçar... ao fazer qualquer coisa privada com outras mulheres... nunca jogue roleta russa com a tua família. O anel de ouro da beleza, ou suposta emoção... não vale a pena. Alguns perdem totalmente sua alma apesar de todo o seu conhecimento. O que impede da maioria dos jovens viverem uma vida profunda com Deus, um ministério verdadeiro...?

    Outras pessoas sobrevalorizam o sexo agindo como que não sendo  possível ser felizes se não forem casadas. Ou se são casados, pensam que precisavam de um casamento diferente, um melhor... e então seriam felizes. Sempre em seus sonhos, estão invejando o relacionamento de outras pessoas, imaginado o quão melhor eles estariam numa situação diferente da que estão hoje.

    A beleza, romance e o sexo são bons, mas não são as coias realmente fundamentais da vida. Provérbios 6.23 diz: “Pois o mandamento é lâmpada, a instrução é luz... o caminho que conduz à vida”


    Salomão está dizendo, num relacionamento verdadeiro com o Deus que se revelou em Sua Palavra, está a vida. Não no romance, sexo... em Deus.

    Pare e pense. Quem foi a pessoa mais feliz que viveu neste mundo? Mais alegre, mais plena...  Foi uma pessoa que sempre foi solteiro e não teve nenhum relacionamento romântico. Viveu, morreu jovem e virgem. E, de acordo com Isaías, ele não era fisicamente lindo ou atraente.


    Cada vez que você hora... ora em Nome daquele que é Filho de Deus, e Filho do Homem... e um homem que morreu com 33 anos e virgem. Ele teve o amor do Pai, e em seu amor ( não no casamento), Ele encontrou toda a realização e prazeres (não na cama ) para sempre e sempre e sempre: “Tu me farás conhecer a vereda da vida, a alegria plena da tua presença, eterno prazer à tua direita.” - Salmos 16:11

    Entenda. Os braços finais que procuramos no romance, são Seus braços. Foi para isso que Deus criou e deu como um dom todas essas coisas. Como placas que apontam para ele... fonte de verdadeira identidade, felicidade, alegria... o amor que procuramos nos amores da vida... esposa, filhos, amigos... só será plenamente conhecido no Amado. E todos os outros devem ser apensa placas para ele.


    Romance, beleza e sexo são bons... e não é mau desejá-los... mas você não precisa deles para viver. Não foi para eles que você foi feito. Portanto não é em nada disso que você encontra o encaixe que faz a verdadeira e plena vida abundante: “pois nele foram criadas todas as coisas nos céus e na terra, as visíveis e as invisíveis, sejam tronos ou soberanias, poderes ou autoridades; todas as coisas foram criadas por ele e para ele.” Colossenses 1:16. Para isso você foi feito.

    Se você está vivo nEle, você está livre do cativeiro do sexo, beleza, romance... “Pois o mandamento é lâmpada, a instrução é luz... o caminho que conduz à vida”... o que esta verdadeira relação com Deus faz? O texto continua: “ele te protegerá da mulher imoral, e dos falsos elogios da mulher leviana. Não cobice em seu coração a sua beleza nem se deixe seduzir por seus olhares, pois o preço de uma prostituta é um pedaço de pão, mas a adúltera sai à caça de vidas preciosas. Pode alguém colocar fogo no peito sem queimar a roupa? Pode alguém andar sobre brasas sem queimar os pés?” - Provérbios 6:24-28


    Como alguém pode estar livre do desejo sexual que consome a sua vida e da sobrevalorização do romance, sexo...? Seja capturado pelo infinito amor de Deus em Cristo. Só um “cativeiro” mais poderoso pode te livrar desses cativeiros.


    “Pois o amor de Cristo nos constrange, porque estamos convencidos de que um morreu por todos; logo, todos morreram. E ele morreu por todos para que aqueles que vivem já não vivam mais para si mesmos, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou.” - 2 Coríntios 5:14,15