• Puro conteúdo Reformado!

    ReformedSound

    .

    .

    A vida cristã é tudo sobre relacionamentos.





    Só podemos viver de maneira digna do evangelho e como homens regenerados na comunidade dos santos, não sozinhos.  A Bíblia nos dá ordens múltiplas e claras sobre isso. Argumentos sobre argumentos:


    Seja dedicado um ao outro (Rm 12:10).

    Dê preferência um ao outro (Rm 12:10).

    Ser da mesma mente com o outro (Rm 12:16).

    Aceitando um ao outro até que ele se torne maduro no conhecimento (Rom. 14:1).

    Aceitar um ao outro, mostrando deferência (Rm 14:1-5; 15:07).

    Considerando o outro superior a si em amor (Rm 14:05;. Fil 2:03).

    Edificando um ao outro (Rm 14:19;. 1 Ts 5:11).

    Admoestando uns aos outros (Rm 15:14).

    Servir uns aos outros, mostrando deferência em questões de liberdade (Gl 5:13).
    Levar a carga uns dos outros (Gl 6:02).

    Seja gentil com os outros (Ef 4:2).

    Ser gentil com o outro, de modo a preservar a unidade (Ef 4:32).

    Falar a verdade um ao outro (Efésios 4:25; Col 3:9).

    Se sujeitar um ao outro (Efésios 5:21).

    Mostrar compaixão uns aos outros (Colossenses 3:12).

    Suportando uns aos outros e perdoando (Col. 3:13).

    Perdoar uns aos outros (Colossenses 3:13).

    Ser cheio do Espírito Santo, adorando com hinos saturados pela Palavra admoestando uns aos outros (Cl 3:16;. Ef 5:19).

    Confortar uns aos outros com a esperança da volta de Cristo (1 Ts. 4:18).
    Encorajar uns aos outros (1 Ts. 5:11).

    Viver em paz uns com os outros (1 Ts. 5:13).

    Buscai o bem uns aos outros (1 Ts. 5:15).

    Encorajar um ao outro a abandonar a incredulidade e dureza de coração (Hb 3:13).

    Estimular um ao outro para o crescimento espiritual (Hebreus 10:24).

    Encorajar um ao outro pela participação fiel em sua igreja local (Hb 10:25).
    Confessar os pecados uns aos outros (Tiago 5:16).

    Orar uns pelos outros em suas aflições físicas (Tiago 5:16).

    Seja sofredor e paciente para o outro (1 Pedro 4:8;. Ef 4:2).

    Seja hospitaleiro uns com os outros sem queixas (1 Pedro 4:9).

    Servir uns aos outros (1 Pedro 4:10;. Gal 5:13).

    Agir com humildade para com o outro (1 Pedro 5:5).

    Demonstrar afeto santo uns aos outros (1 Pedro 5:14).

    Participar da santa caminhada com o outro (1 João 1:7).

    Recuse-se a tornar-se ressentido com o outro (1 João 3:11-12).

    Estar atento às necessidades uns dos outros (1 João 3:16-17).

    Lutar contra o medo juntos pelo crescimento no amor (1 João 4:18).

    Andam na verdade juntos (1 João 3:18, 2 João 1:5).


    A vida cristã é tudo sobre relacionamentos. Amar uns aos outros é uma poderosa ferramenta evangelística, como Jesus diz: "Nisto todos saberão que sois meus discípulos, se tiverdes amor uns aos outros" (João 13:35).

    Há uma crença em alta de que “somos especiais, de importância fundamental no plano de Deus, que há um plano especial para mim...” – grande parte dos cristãos hoje se sentem na beira de um destino messiânico para a terra. 


    A confiança de que o Senhor tem um plano e propósito especial só para eles molda a forma como eles agem, se movem, criticam a igreja...


    Mas quando lemos a Bíblia, fica evidente que é a igreja que tem um significado ímpar na história humana. Mas é a igreja “pessoa Jurídica” – a comunidade dos salvos, o conjunto deles, e não os indivíduos distintos que a compõe... Meu destino especial como um crente, regenerado, é ser parte da igreja, e é a igreja que é o grande foco no plano mais amplo de Deus, e não eu.


    “Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela, Para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra, Para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível” - Efésios 5:25-27


    “Porque somos membros do seu corpo, da sua carne, e dos seus ossos.” - Efésios 5:30


    “Grande é este mistério; digo-o, porém, a respeito de Cristo e da igreja” - Efésios 5:32