• Puro conteúdo Reformado!

    ReformedSound

    .

    .

    Você ama realmente a Verdade? - John Stott (1921-2011)




    Amor pela verdade


    "... e sejam condenados todos os que não creram na verdade, mas tiveram prazer na injustiça" (2Ts 2.12).


    É extremamente importante observar que o oposto de "crer na verdade" é "ter prazer na injustiça". Isso acontece porque a verdade tem implicações morais e faz exigências morais.


    O mal, e não o erro, é a raiz do problema. Todo o processo é horrivelmente lógico.


    Primeiro, eles se deleitam na fraqueza ou "escolhem deliberadamente a pecaminosidade".


    Segundo, recusam-se a crer e amar a verdade (pois é impossível amar o mal e a verdade simultaneamente).


    Em terceiro lugar, Satanás se imiscui ali e os ilude.


    Em quarto lugar, Deus mesmo lhes "envia" uma grande desilusão e os entrega à mentira que escolheram.


    Em quinto lugar, eles são condenados e perecem.


    Este é um ensinamento extremamente solene. Ele nos revela que a ladeira escorregadia começa com o amor pelo mal e depois leva, sucessivamente, à rejeição da verdade, ao logro do Demônio, ao endurecimento judicioso de Deus e à condenação final. A única maneira de estar protegido contra o engano é amar a bondade e a verdade.