• Puro conteúdo Reformado!

    ReformedSound

    .

    .

    Tenho tudo e sou feliz, por que preciso de Jesus? – R. C. Sproul




    Ouço isso de muita gente. Elas dizem: "Simplesmente não sinto necessidade de Cristo." Como se cristianismo fosse algo que você empacota e vende na rua! O que estamos tentando comunicar às pessoas é: "Aqui está algo que vai fazer você se sentir bem, e todo mundo precisa de um pouco disso no armário ou na geladeira", como se fosse algum artigo que vai acrescentar um bocado de felicidade às nossas vidas.


    Se a única razão que um ser humano tem para precisar de Jesus é ser feliz, e a pessoa já se sente feliz sem Jesus, então, ela certamente não precisa de Jesus. O Novo Testamento, entretanto, indica que há outra razão pela qual você, ou qualquer outra pessoa, precisa de Jesus. Existe um Deus que é completamente santo, perfeitamente justo, e que declara que ele vai julgar o mundo e declarar todo ser humano responsável por sua vida.


    Como um Deus perfeitamente santo e justo, ele exige de cada um de nós uma vida de perfeita obediência e de perfeita justiça. Se existe um tal Deus, e se você viveu uma vida de perfeita obediência e retidão — quer dizer, se você é perfeito — então, certamente, você não precisa de Jesus. Você não necessita de um salvador só porque pessoas injustas têm problemas.


    A questão aqui é simples: Se Deus é justo e exige de mim perfeição e eu fico aquém dessa perfeição, e ele vai me tratar com justiça, então estou antevendo um futuro castigo nas mãos de um Deus santo. Se o único meio de escapar do castigo é através de um salvador e se desejo escapar, então eu preciso de um Salvador.


    Algumas pessoas dirão que estamos pregando a Jesus como uma passagem de saída do inferno, como um meio de escapar do castigo eterno. Essa não é a única razão pela qual eu falaria de Jesus às pessoas, mas é uma das razões.


    Creio que muitas pessoas, na cultura de nossos dias, realmente não acre¬ditam que Deus as responsabilizará por suas vidas — que Deus realmente não exige retidão.


    Quando assumimos esse ponto de vista, não sentimos o peso da ameaça do julgamento. Se você não tem medo de enfrentar o castigo de Deus, então seja feliz como um molusco. Eu viveria tremendo e com um medo terrível diante da perspectiva de cair nas mãos de um Deus santo.