• Puro conteúdo Reformado!

    ReformedSound

    .

    .

    Meu coração não santificado contamina tudo - Thomas Watson (1620-1686)




    1.      Pelo contato com a Palavra de Deus: "Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade" (Jo 17.17). A Palavra é tanto um espelho para nos mostrar as manchas de nossa alma quanto uma banheira para nos lavar. A palavra tem uma virtude transformadora em si, ela ilumina a mente e consagra o coração.


    2.      Tenha fé no sangue de Cristo. "Purificando-lhes pela fé o coração" (At 15.9). A mulher que tocou na vestimenta de Cristo, no evangelho, foi curada. Um toque de fé purifica. Nada pode ter mais força sobre o coração, para santificá-lo, que a fé. Se eu creio que Cristo e seus méritos são meus, como posso pecar contra ele? A fé da justificação faz isso em um sentido espiritual, ela é miraculosa, ela remove montanhas, as montanhas do orgulho, da luxúria e da inveja. A fé e o amor ao pecado são inconsistentes.


    3.      Viva pelo Espírito. Isso é chamado de "Santificação do Espírito" (2Ts 2.13). O Espírito santifica o coração como o relâmpago purifica o ar e o fogo refina metais. A ação do Espírito gera sua própria imagem em todo lugar. O Espírito imprime sua própria santidade no coração, como o carimbo imprime autenticidade sobre o documento. O Espírito de Deus em um homem perfuma com santidade e torna seu coração um mapa para o céu.


    4.      Associe-se com pessoas santificadas. Por meio de seus santos conselhos e exemplos, elas podem incentivar você a ser mais santo. Assim como a comunhão dos santos está em nosso Credo Apostólico, deveríamos também pensar a respeito de nossas companhias: "Quem anda com os sábios será sábio" (Pv 13.20). A associação produz assimilação.


    5.      Ore pedindo santificação. Jó propõe uma questão: "Quem da imundícia poderá tirar coisa pura?" (Jó 14.4). E a resposta é: Deus pode.
    De um coração imundo ele pode produzir graça. Façamos da oração de Davi a nossa oração: "Cria em mim, ó Deus, um coração puro" (SI 51.10). Apresente seu coração diante de Deus e diga: "Senhor, meu coração não santificado contamina tudo o que toca. Não é conveniente que eu viva com tal coração, pois não posso honrar ao Senhor; nem morrer com tal coração, pois não poderei ver o Senhor. Cria em mim, ó Deus, um novo coração. Senhor, consagre meu coração e faça dele o teu templo e teus louvores serão entoados nele para sempre".


    Deus produziu algo puro de algo impuro? Ele santificou a sua vida? Use esta jóia da santificação com gratidão: "Dando graças ao Pai, que vos fez idôneos à parte que vos cabe da herança dos santos na luz" (Cl 1.12). Cristão, você pode se contaminar, mas não se santificar. Mas Deus o fez, ele não somente enjaulou o pecado, mas mudou a sua natureza e faz de você como a filha de um rei, cheio de glória por dentro. Ele colocou sobre você o brasão da santidade, embora possa ser atacado, nunca poderá ser derrotado. Alguém aqui está santificado? Deus fez mais por você do que por milhões, pois eles foram iluminados, mas não foram santificados. Ele fez mais por você que se tivesse feito de você o filho de um príncipe e que andasse nos lugares mais altos da terra. Você está santificado? O céu começou em você, a felicidade é a essência da santidade. Quão agradecido você deveria ser a Deus. Faça como aquele cego no evangelho depois que recebeu a visão de volta: "e seguia-o glorificando a Deus" (Lc 18.43). Faça o céu estremecer com louvores a Deus.