• Puro conteúdo Reformado!

    ReformedSound

    .

    .

    SARÇA, ESPINHOS E ESCORPIÕES - R. C. SPROUL







    Os profetas do Antigo Testamento não receberam suas credenciais por meio de instituições humanas. No capítulo 2 de Ezequiel, o profeta registra o teor de sua chamada, que irá definir sua vocação: "E disse-me ele: Filho do homem, eu te envio aos filhos de Israel, às nações rebeldes que se rebelaram contra mim; eles e seus pais têm transgredido contra mim até o dia de hoje. E os filhos são de semblante duro e obstinado de coração. Eu te envio a eles, e lhes dirás: Assim diz o Senhor Deus.
    E eles, quer ouçam quer deixem de ouvir (porque eles são casa rebelde), hão de saber que esteve no meio deles um profeta" (Ez 2.3-5).


    Que diferença! Hoje a "igreja" - tem como propósito fazer tão somente que as pessoas se sintam bem. Para isso criaram um"deus" -que existe para satisfazer os homens em seus desejos e paixões. Existir para a glória de Deus? O "evangelho" hoje diz que"Deus" existe para a nossa glória.

    De forma tão diferente disso, Ezequiel é enviado não para expressar suas opiniões, nem para "criar" uma mensagem que apelasse para os desejos do homem de um "Deus" subserviente. Ele devia começar a mensagem com "assim diz o Senhor" - e não com "isto é o que eu penso" -

    Havia um medo enorme a ser superado pelos que estavam envolvidos na "tarefa profética". Qual dos profetas não foi odiado e perseguido pelo seu próprio povo. Pregando o que se prega hoje eles seriam odiados?

    Havia muito, humanamente falando, o que temer. O principal requisito paro profeta era a coragem: "E tu, ó filho do homem, não os temas, nem temas as suas palavras; ainda que estejam contigo sarças e espinhos, e tu habites entre escorpiões; não temas as suas palavras, nem te assustes com os seus semblantes, ainda que são casa rebelde. Mas tu lhes dirás as minhas palavras, quer ouçam quer deixem de ouvir, pois são rebeldes" (2,7).


    Deus utiliza imagens gráficas duras na admoestação ao profeta. Ele o está ensinando a um lugar cercado de urzes e espinhos. Um habitat desolado e ameaçador para um ser humano.

    Nesta casa de desolação, Ezequiel estaria exposto a palavras raivosas e olhares agressivos. Terá que suportar insulto, difamação e censura - coisas que facilmente intimidariam o pregador.


    "Mas tu, ó filho do homem, não sejas rebelde como a casa rebelde; abre a tua boca e come o que eu te dou" (2.8).
    Ele é chamado para ser diferente, embora ele seja um israelita, membro da casa rebelde, ele não deve participar da rebelião.


    Deus não atribui a Ezequiel a responsabilidade de fazer o povo ouvir a Palavra de Deus. Suas responsabilidades são, primeiro, atentar para a palavra de Deus, mesmo se ninguém estiver disposta a ouvi-la, e segundo, proclamá-la com total fidelidade.


    A tarefa de todos que dizem servir a Deus é a mesma. A nossa não é diferente.




    0 comentários: