• Puro conteúdo Reformado!

    ReformedSound

    .

    .

    O que Jesus Quer? John Piper





    O que Jesus quer? Encontramos a resposta em suas orações. O que Ele pediu a Deus? A sua oração mais extensa pode ser lida em João 14, verso 24. Este é o clímax de seu desejo:


    Pai, a minha vontade é que onde eu estou, estejam comigo os que me deste.


    Entre todos os pecadores indignos no mundo, existem alguns que o Pai deu a Jesus. Estes são os que Deus trouxe ao Filho (Jo 6.44,65). Eles são crentes – pessoas que “receberam” a Jesus como o Salvador e Senhor, crucificado e ressuscitado, o Tesouro de suas vidas (Jo 1.12; 3.17; 6.35; 10.11,17-18; 20.28). Jesus disse que deseja que seus discípulos estejam com ele.


    Às vezes, ouvimos as pessoas dizerem que Deus criou o  homem porque Ele estava sozinho, Elas dizem: “Deus nos criou para que estivéssemos com Ele”. Jesus concorda com isto? Bem, de fato, Ele disse que queria que estivéssemos com Ele! Sim; mas por quê? Considere o restante do versículo. Por que Jesus quer que estejamos com Ele?


    Pai, a minha vontade é que onde eu estou, estejam também comigo os que me deste, para que vejam a minha glória, que me conferiste, porque me amaste antes da fundação do mundo.


    Essa seria uma maneira estranha de expressar a sua solidão: “A minha vontade é que onde eu estou, estejam comigo os que me deste, para que vejam a minha glória”. De fato, estas palavras não expressam a solidão de Jesus. Expressam o interesse dEle pela satisfação de nossoanelo, e não de sua solidão. Jesus não está sozinho, Ele o Pai e o Espírito Santo estão plenamente satisfeitos na comunhão da Trindade. Nós, e não Ele, estamos famintos por algo. E o que Jesus deseja para nós é que experimentemos aquilo para o que realmente fomos criados- ver e provar a glória de Deus.


    Oh! Que Deus faça isto aprofundar-se em nossa alma! Jesus nos fez (Jo 1.3) para vermos sua glória. Pouco antes de ir para a cruz, Ele suplica ao Pai os seus desejos mais profundos – “Pai, a minha vontade (meu desejo) é que... estejam comigo... para que vem a minha glória”


    Mas isto é somente a metade do que Jesus deseja nestas palavras finais de sua oração. Já afirmamos que formos criados para ver e provar a glória dEle. Isto é o que Ele quer – não somente que vejamos, mas também que provemos a sua glória, que tenhamos deleite e prazer nela, que a entesouremos e amemos? Considere o verso 26:


    Eu lhes fiz conhecer o teu nome e ainda o farei conhecer, a fim de que o amor com que me amaste esteja neles, e eu neles esteja.


    Este é o final da oração.  Qual é o objetivo FINAL de Jesus para nós? Não apenas que vejamos a sua glória, mas que O amemos com o mesmo amor que o Pai tem por Ele – “a fim de que o amor com que me amaste esteja neles”. O anelo e objetivo de Jesus é que vejamos a sua glória e sejamos capazes de amar o que vemos com o mesmo amor que o Pai tem pelo Filho. Ele não queria dizer que devemos apenas IMITAR o amor do Pai para com o Filho. Ele estava dizendo que o próprio amor do Pai se torna nosso amor pelo Filho – que amemos o Filho com o amor do Pai para com o Filho. Isto é o que o Espírito Santo se torno e concede em nossa vida: amor pelo Filho, por meio do Pai, pela operação do Espírito.


    O que Jesus mais deseja é que seus eleitos sejam reunidos (Jo 10.16, 11.52) e tenham  o que eles mais querem – VER a glória de Cristo e PROVÁ-LA com o amor do Pai pelo Filho.


    O que eu mais quero é estar reunido com vocês ( e muitos outros ) e VER a Cristo em toda a sua plenitude e que, juntos, amemos o que vemos com um amor que excede as nossas capacidades humanas.


    Foi isto que Jesus pediu por nós: “Pai, mostra-lhes a minha glória e dá-lhes que se deleitem em mim com o mesmo deleite que tens em mim”. Oh! Que VEJAMOS a Cristo com os olhos de Deus e PROVEMOS a Cristo com o coração de Deus. Isto é a essência do céu. Este foi o dom que Cristo veio comparar para os pecadores, ao preço de sua própria morte, em nosso lugar.


    Pai santo, unimo-nos a Jesus em pedir
    Para nós aquilo que Ele mesmo pediu.
    Dá-nos que estejamos com Ele,
    Para que vejamos a sua glória e O amemos
    Com o próprio amor que tens para com Ele.
    Oremos  para que tenhamos agora tanto 
    Quanto pudermos dessa experiência de Cristo.
    Então, completa-a no céu, com Ele,
    Pelo poder que O ressuscitou dos mortos.
    Queremos ver a Jesus.
    Queremos provar a glória dEle.
    Ó Pai de misericórdia, abre nossos olhos e leva-nos ao lar.
    Em nome de Jesus. Amém.




    0 comentários: